Como funciona uma fechadura digital?

Se você está pensando em investir em acessórios que contribuam para segurança, conforto e praticidade do seu imóvel, a fechadura digital pode ser uma boa escolha. Isso porque esse item esbanja tecnologia e modernidade. Não é à toa que se tornou marca registrada nas portas de apartamentos, salas de empresas, fábricas e residências. 

Portanto, a PHD Seg reuniu neste artigo as respostas para as principais dúvidas sobre o funcionamento da fechadura digital. Confira!

Quais são as funcionalidades da fechadura digital?

fechadura digital

A fechadura digital funciona através de senhas, cartões, leituras faciais, aplicativos de celular e um dos mecanismos mais requisitados: a biometria digital. Ou seja, você não precisará mais se preocupar em carregar várias chaves no bolso. E, é claro, esse sistema dificulta a entrada de invasores, já que não é fácil de ser burlado. 

Além disso, é possível escolher acessórios que complementam a fachada e conferem ainda mais segurança ao seu ambiente. Como a implementação de um dispositivo que ao ser acionado impede a abertura da porta pelo lado de fora. Outra opção muito necessária, é o sensor de travamento automático, ideal para quem sempre esquece se trancou ou não a porta antes de sair.

Por fim, um alarme residencial é a dupla perfeita para a sua fechadura digital. Assim, caso haja alguma tentativa de invasão através do forçamento da porta ou de senhas incorretas, a sirene será disparada.

Existem vantagens em investir no modelo?

Existem inúmeras vantagens na instalação de uma fechadura digital, confira as principais!

  • baixo consumo de energia;
  • visor digital;
  • configuração via aplicativo;
  • deixa registro de quem esteve no ambiente;
  • criação de acessos temporários para visitantes;
  • facilidade na circulação de pessoas autorizadas;
  • praticidade e conforto para residências, empresas e indústrias!

Mas, afinal, em que locais a fechadura digital pode ser instalada?

fechadura digital

A instalação de fechadura digital é recomendada tanto para o âmbito doméstico como comercial. Contudo, deve-se escolher um local protegido das intempéries climáticas. Ou seja, a melhor aplicação é em ambientes internos como salas, apartamentos ou até mesmo a porta de entrada, caso a sua garagem tenha cobertura.

Além disso, há duas opções disponíveis no mercado: a fechadura de embutir que já vem com maçaneta e o modelo de sobreposição que pode ser instalado na própria porta. Por fim, as opções funcionam à base de pilhas com excelente durabilidade, em média 12 meses.

Gostou de saber tudo sobre o funcionamento de uma fechadura digital? Aproveite para acessar o site da PHD Seg e comprar o modelo perfeito para o seu ambiente!  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.